Lagoa Misteriosa e Rio da Prata conquistam Prêmio Nacional de Sustentabilidade

O Recanto Ecológico Rio da Prata e a Lagoa Misteriosa (leia-se Japacanim Ecoturismo), atrativos de ecoturismo localizados em Jardim, no Mato Grosso do Sul, conquistaram o Prêmio na categoria Parceiros do Turismo, com a iniciativa “Na pegada da sustentabilidade: o modelo de gestão de ecoturismo do Recanto Ecológico Rio Da Prata e Lagoa Misteriosa (Jardim-MS)”.

O prêmio foi entregue ao gerente do atrativo Teódison Gonçalves, por Fernando Kanni, do Senac.

A adoção de práticas na busca de um caminho sustentável, como reciclagem dos resíduos sólidos, produção de horta orgânica, viveiro de mudas, criação de uma Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) na propriedade, visitação de mínimo impacto ambiental, sistema de gestão de segurança certificado são algumas das ações desenvolvidas no atrativo.

Luiza Coelho, Diretora de Sustentabilidade dos atrativos, comemora o reconhecimento. “Em 1995, meu pai, Eduardo Coelho, teve um sonho de criar um atrativo de ecoturismo que conciliasse preservação ambiental, que trouxesse renda para a família e para a região e ainda permitisse inspirar os nossos visitantes. Ao longo destes 23 anos de empreendimento não poupamos esforços em fazer o certo. Desde o início temos coleta seletiva, diretrizes de mínimo impacto para visitação”, diz.

Ela ressalta ainda que todas as ações realizadas nos passeios é pensando no viés ecológico. “Queremos continuar inspirando os nossos visitantes a ter atitudes por um mundo melhor e mais verde”.

Esta edição, o Prêmio Braztoa teve um total de 143 inscritos, 75 projetos apresentados e 18 finalistas e contou com o patrocínio da CNC, parceria institucional do Ministério do Turismo, ONU e OMT, parceria estratégica da Empetur, e apoio da Abav, Clia, Copa Airlines e Associação Comercial e Empresaria de Ilhabela.

Leave a comment

Please be polite. We appreciate that. Your email address will not be published and required fields are marked