Acasalamento de peixes piau no Recanto Ecológico Rio da Prata; veja o vídeo

Um casal de piau-três-pintas (Leporinus friderici) foi flagrado no momento do acasalamento no rio Olho D’Água, localizado no Recanto Ecológico Rio da Prata em Jardim (MS), passeio de ecoturismo conhecido internacionalmente por suas águas cristalinas e ações ambientais.

O período reprodutivo da espécie ocorre entre os meses de novembro a janeiro. É um peixe de piracema, faz longas viagens para reproduzir em época de cheia em meio a densa vegetação. O flagrante no mês de maio chamou a atenção por ser fora da época usual para a reprodução.

Para José Sabino, biólogo que atua desde 2004 junto ao Recanto Ecológico Rio da Prata para a realização de monitoramento integrado nas águas dos rios do local, esses eventos de reprodução reforçam a importância do Olho d’Água para a reprodução de peixes migradores da planície para o planalto.

Uma das hipóteses para que isso aconteça pode ser a temperatura da água do rio. “Esses eventos isolados no Olho d’Água se dá muito provavelmente por causa da temperatura da água. Peixes de piracema usam como gatilhos ambientais o aumento do fluxo de água (associada às chuvas) para subir os rios. Como fator ambiental complementar, a temperatura da água (mais quente no verão) completa esses sinais ambientais. Essa temperatura mais elevada pode ser um fator marcante no Olho d’Água, com uns 3 ou 4 graus acima da temperatura média do rio Prata”, acredita José Sabino.

De acordo com o biólogo, a temperatura mais elevada pode “confundir” a fisiologia reprodutiva dos peixes e “eventualmente eles desovam“, conclui.

Outro ponto observado é que a manutenção dos rios livres de barragens é fundamental para que os peixes possam migrar e fazer seu processo reprodutivo. “Com o processo migratório da piracema, fica evidente que as populações se conectem e mantenham sua variabilidade genética. Sem a conexão, há risco para que os processos naturais se completem”, finaliza Sabino.

O vídeo é de autoria do fotógrafo Vinicius de Oliveira.

Atriz Cristiana Oliveira visita atrativos do Grupo Rio da Prata

Os atrativos do Grupo Rio da Prata – Estância Mimosa Ecoturismo, Recanto Ecológico Rio da Prata e a Lagoa Misteriosa, localizados em Bonito e Jardim (MS) receberam nesta semana a visita da atriz Cristiana Oliveira, a “Juma” na primeira versão da novela Pantanal.

Na Estância Mimosa conheceu as cachoeiras, piscinas naturais e projetos ambientais realizados no local e se encantou com a experiência. Em suas redes sociais, compartilhou: “Exemplo de lugar que utiliza a conservação da natureza a seu favor. Uma mata espetacular, com esse rio único, protegido por uma reserva (RPPN) criada pelo proprietário. Só poderia resultar em uma paisagem belíssima como essa. Um verdadeiro presente de Deus. Estar aqui só fortalece meu amor genuíno à natureza e, estar próxima às pessoas que cuidam da natureza, transborda meu coração de esperança”.

Em 2021, Cristiana havia realizado o passeio de flutuação no Recanto Ecológico Rio da Prata. “A flutuação no Recanto Ecológico Rio da Prata já tinha feito me superar do meu medo de mergulho. O visual lá embaixo, você lidar com os peixes como as piraputangas, os dourados, é uma paz que não tem como descrever. A gente simplesmente se aparta do mundo. A gente entra nos nossos pensamentos, e vê o quão pequeno nós somos diante dessa natureza toda, tão vasta e tão linda”.

Este ano, Cristiana conheceu a Lagoa Misteriosa, uma experiência na qual ela ressalta que se saiu vitoriosa.

“Hoje eu superei mais um medo, fazendo a flutuação e um pouco de apneia na Lagoa Misteriosa… a gente vê que aqui Deus comanda. Aliás, Deus comanda em todos os lugares, mais aqui acho que ele comanda mais porque a natureza é obra dele. Consegui mergulhar, consegui fazer apneia, tirei fotos lindas e mais uma vez senti essa paz. A gente perde todos os sentimentos negativos quando estamos num lugar desse e saímos mais em paz ainda do que quando entramos. Muito obrigada por ter me feito superar esses medos, que não são fáceis, mas quando a gente supera nos sentimos vitoriosa e eu fui vitoriosa. Obrigada”, disse.

Veja o depoimento:

Cristiana Oliveira esteve no destino de ecoturismo para participar da 10ª Feira Socioambiental de Bonito, evento promovido pelo Instituto das Águas da Serra da Bodoquena (IASB). “Foi tão lindo ver a importância da prática da educação ambiental nas nossas vidas. O evento todo transpirava amor ao próximo, aos seres vivos, à natureza. Tudo feito com muito carinho pela ONG IASB, a qual sou voluntária. Recebi muita informação e também muito carinho da população bonitense. Aprendi a amar Bonito, e sempre estarei à disposição para contribuir com ações e iniciativas sérias que busquem sua conservação. Só posso dizer que foi incrível”, compartilhou a atriz em suas redes sociais.

Colaboradores do Grupo Rio da Prata ministram palestra na UEMS Jardim

A Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), unidade de Jardim, realizou nos dias 02 e 03 de junho a “Semana do Meio Ambiente: Relação Sociedade e Natureza no Mato Grosso do Sul – a conservação e sustentabilidade ambiental nos municípios de Jardim e Bonito”, em comemoração ao Dia Mundial do Meio Ambiente, celebrado no dia 05 de Junho.

A convite da organização, o Grupo Rio da Prata se fez presente no evento, representado pelos colaboradores Bruna Mello e Manoel Cruz que mininstraram palestra sobre os atrativos Recanto Ecológico Rio da Prata, Lagoa Misteriosa e Estância Mimosa Ecoturismo, na última sexta-feira (3).

O evento, coordenado pelas professoras do curso de Geografia Dra. Daiane Alencar e Dra. Greisse Quintino Leal, contou com a participação de alunos e professores da UEMS dos cursos de Geografia, Letras e Técnico em Logística.

Bruna e Manoel ressaltaram que o evento foi muito proveitoso e que responderam diversas dúvidas a cerca dos atrativos, bem como das ações que o Grupo Rio da Prata desenvolve para a conservação dos rios e parcerias com as ONGs.

Atrativos do Grupo Rio da Prata participam de evento em comemoração ao Dia Mundial do Meio Ambiente

O Grupo Rio da Prata participou na última quinta-feira (2) do evento “Sustentabilidade em harmonia com a natureza”, promovido pelo Instituto da Guarda Mirim Ambiental (IGMA) em Jardim/MS em alusão à semana do Meio Ambiente.

Apresentação teatral, exposições, palestra com a Bióloga Salete (Buraco das Araras); Sérgio Barreto (Instituto Homem Pantaneiro); Nisroque Soares (IGMA); Ciro Polidoro, estão no cronograma do evento, que segue até o Dia Mundial do Meio Ambiente, celebrado no dia 05 de junho.

Bruna Mello, colaboradora do Recanto Ecológico Rio da Prata e da Lagoa Misteriosa, representou o Grupo Rio da Prata no evento, abordando junto ao público informações sobre projetos de reflorestamento e sustentabilidade aplicadas nos atrativos. “Foi muito gratificante participar do evento junto as crianças da Guarda Mirim Ambiental. A educação ambiental tem um papel muito importante para a conscientização e sensibilização dos problemas ambientais, promovendo atitudes ecologicamente corretas, tornando-os cidadãos conscientes”, disse.

A Semana do Meio Ambiente do IGMA contou com o apoio da Prefeitura Municipal de Jardim; Recanto Ecológico Rio Prata; Buraco da Araras; Instituto Homem Pantaneiro (IHP)); Polícia Militar Ambiental de Jardim; Departamento de Vigilância e Controle de Endemias; Ministério Público Estadual e Promotoria de Jardim.

Recanto Ecológico Rio da Prata participa do aniversário de 76 anos de Jardim

A cidade de Jardim (MS) completou 76 anos no último sábado, 14 de maio. Com uma população estimada em 26.238 habitantes, segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), o município é reconhecido internacionalmente por sua belezas naturais, entre eles balneários, Buraco das Araras, o Recanto Ecológico Rio da Prata e a Lagoa Misteriosa, estes dois últimos pertencentes ao Grupo Rio da Prata.

A convite de Kátia Regina Farias de Souza, Diretora das Escolas Municipais Rufina Loureiro Caldas e Beracy Brunet Barbosa, os colaboradores Willian Trabassi e Bruna Mello, representaram os atrativos do Grupo Rio da Prata durante o Desfile Cívico realizado para celebrar a fundação da cidade. “Foi uma honra poder participar de um evento tão importante para cidade”, revelou Willian.

Cerca de 100 mudas de mandovi, do viveiro de mudas do Recanto Ecológico Rio da Prata, foram doadas para o público presente no evento.

Veja abaixo alguns momentos:

Recanto Ecológico Rio da Prata registra 235 espécies de aves; confira a lista

Em novembro de 2021 uma nova espécie de ave foi registrada no Recanto Ecológico Rio da Prata (Jardim-MS), aumentando assim a sua Bird List. A avistagem de um arapapá (Cochlearius cochlearius), feita pelo colaborador Fernando Maidana, fez com que a publicação atingisse 235 espécies catalogadas.

A Bird List Avifauna Rio da Prata integra o Plano de Manejo da RPPN Fazenda Cabeceira do Prata e sua elaboração contou com a participação de Maria Antonietta Castro Pivatto, Mauricio Neves Godoi, Daniel De Granville Manço, Daniel de Azevedo Scalabrini, Nádia Franco Pisetta e Fernando Maidana.

Clique aqui e veja a lista!

Cada espécie é catalogada de acordo com o grau de ameaça de extinção; endemismos; comportamento migratório; dependência de ambientes florestados; dieta e hábitos.

Entre as espécies registradas como quase ameaçadas (QA) e vulnerável (VU), segundo IUCN (2017) e MMA (2018), estão: mutum-de-penacho (VU); gavião-de-penacho (QA); arara-azul grande (VU); tiriba-fogo (QA); papagaio-galego (QA) e o tico-tico-de-máscara-negra (VU).

Localizada em uma região de grande diversidade ambiental, dentro do Bioma Cerrado, a fazenda é um local estratégico para a atividade de Observação de Aves ou a Passarinhada. Biguatinga, Socó-boi, Acauã, Periquito-da-serra, Udu-de-coroa-azul são algumas das espécies avistadas.

O arapapá também é conhecido como savacu, colhereiro, arataiá, arataiaçu, socó-de-bico-largo (Piauí), tamatiá e tamatião (Pará), tem como um de suas características marcantes o bico largo e poderoso, que lembra um barco virado de cabeça para baixo. Fernando Maidana, autor do registro, ressaltou que “foi uma das aves mais incríveis que tive o privilégio de fotografar no Recanto Ecológico Rio da Prata. Porém muito arisca e não me deixou aproximar muito”.

Mais informações sobre as atividades, acesse: https://www.riodaprata.eco.br/observacao-de-aves
⠀⠀

Paca é flagrada por armadilha fotográfica instalada no Recanto Ecológico Rio da Prata

Passagem rápida de uma paca (Cuniculus paca) em frente à câmera da armadilha fotográfica instalada no Recanto Ecológico Rio da Prata (Jardim-MS).

A espécie pode medir cerca de 70 cm e pesar até 10 kg, representando um dos maiores roedores do Brasil, perdendo, em tamanho, para a capivara. De hábitos noturnos, se alimenta de frutas e raízes e caracteriza-se pelo seu pelame duro e eriçado, vermelho com manchas brancas.

Veja o vídeo:

Desde 2011, o atrativo utiliza o equipamento para realizar o monitoramento ambiental e o diagnóstico das espécies, instalados em diferentes pontos da fazenda!

Gastronomia dos atrativos do Grupo Rio da Prata são destaques na CNN Brasil

A seção Viagem e Gastronomia do portal CNN Brasil publicou na última quarta-feira (19) uma matéria com o Chef Felipe Caran. Nascido em Mogi das Cruzes (SP), aos 12 anos mudou-se com a família para a cidade de Bonito, no Mato Grosso do Sul e hoje estão à frente do Restaurante Casa do João.

Felipe relata sua trajetória e compartilha com os leitores do portal dicas de locais para comer no destino de ecoturismo brasileiro e também seus pratos preferidos.

Entre eles, o Chef citou a gastronomia do Recanto Ecológico Rio da Prata (Jardim-MS) e da Estância Mimosa Ecoturismo (Bonito), atrativos que que fazem parte do Grupo Rio da Prata.

O almoço servido nos passeios apresenta pratos da gastronomia regional, verduras e temperos colhidos em nossa horta orgânica e leva a assinatura do renomado Chef Paulo Machado.

Clique no link abaixo e leia a matéria na íntegra:

Recanto Ecológico Rio da Prata doa substrato para viveiro de mudas de Bonito

O Recanto Ecológico Rio da Prata (Jardim-MS) recebeu no dia 1º de Dezembro a visita da equipe responsável pelo Viveiro Municipal Eduardo Domingos Tumeleiro, da Prefeitura de Bonito (MS), acompanhada por Thyago Sabino, Diretor de Meio Ambiente do município.

O atrativo realizou a doação de substrato que serão utilizadas para a continuidade das ações de plantio de milhares de mudas em 2022.

Durante a entrega, o Engenheiro Ambientel do atrativo, William Trabasi, apresentou os projetos ambientais e compartilhou informações sobre plantio e tempo de germinação.

Além do Recanto Ecológico Rio da Prata, a Fazenda São Geraldo doou um caminhão de terra para plantio para o viveiro de Bonito.

“Os servidores voltaram muito contentes e gratos pela oportunidade da aula de campo. Eu também agradeço a contribuição dos empresários, que será muito importante para os projetos previstos para o próximo ano”, disse a secretária da Secretaria de Meio Ambiente, Ana Trevelin.

Conheça o arapapá (Cochlearius cochlearius); nova espécie de ave registrada no Recanto Ecológico Rio da Prata

O arapapá (Cochlearius cochlearius) é a mais nova ave a fazer parte da Bird List do Recanto Ecológico Rio da Prata (Jardim-MS), que conta com mais de 234 espécies catalogadas.

Registro de Arapapá (Cochlearius cochlearius) no Recanto Ecológico Rio da Prata. Foto: Fernando Maidana.

Também é conhecido como como savacu, colhereiro, arataiá, arataiaçu, socó-de-bico-largo (Piauí), tamatiá e tamatião (Pará), tem como um de suas características marcantes o bico largo e poderoso, que lembra um barco virado de cabeça para baixo.

Os olhos grandes e salientes abrigam íris de cor marrom escuro, e quando iluminados à noite produzem um reflexo alaranjado.

Registro de Arapapá (Cochlearius cochlearius) no Recanto Ecológico Rio da Prata. Foto: Fernando Maidana.

O registro foi feito pelo colaborador Fernando Maidana, que ressaltou que “foi uma das aves mais incríveis que tive o privilégio de fotografar no Recanto Ecológico Rio da Prata. Porém muito arisca e não me deixou aproximar muito”.

Incrível, não?!!

A Observação de Aves/Passarinhada no Recanto Ecológico Rio da Prata é a atividade ideal para quem gosta de observar a fauna da região.

Para quem busca um roteiro específico, com guia especialista, recomendamos a Observação de Aves.⠀

Já para aqueles que preferem um roteiro mais curto e são iniciantes na modalidade, a melhor opção é a Passarinhada, realizada nas redondezas do receptivo.⠀

Mais informações sobre as atividades, acesse: https://www.riodaprata.eco.br/observacao-de-aves
⠀⠀